BENEFÍCIOS E PROPRIEDADES DO MIL FOLHAS

Com o nome científico de Achillea millefolium, a planta mil folhas pertence á família Asteraceae. Originária da Europa, é uma plana cultivada em quase todo território brasileiro, podendo ser conhecida regionalmente como aquiléia, erva de carpinteiro, atroveran, erva dos carreteiros, erva de cortaduras, mil em rama, milefólio, mil folhada, novalgina, nariz sangrento, erva dos militares, pronto alívio, prazer das damas e muitos outros nomes. Além de ser uma bela planta, com delicadas e pequenas flores claras, a mil folhas possui propriedades medicinais importantes para o tratamento e prevenção de diversas doenças.
Mil folhas



Curiosidade
Um fato pouco conhecido sobre a planta mil folhas é que, segundo a Mitologia Grega, Aquiles foi mergulhado nessa planta – com exceção de seu calcanhar – para fortalecer-se e se tornar o poderoso guerreiro que foi.

Propriedades
As principais propriedades medicinais e fitoterápicas da planta mil folhas são: analgésica; adstringente; antibiótica; anti-inflamatória; antiespasmódica; antisséptica; antipirética; antimicrobiana; aromática; diurética; digestiva; expectorante; estimulante e tônica.
Benefícios e indicações Como analgésica, a planta mil folhas é eficaz para aliviar diversas dores, em especial dores de cabeça, estomacais e dores de dente. Quem sofre de cólicas menstruais ou de ciclos menstruais irregulares também é beneficiado pelo consumo da planta, que reduz as cólicas e regulariza os ciclos.
Ainda, a planta mil folhas é excelente para tratar acnes, espinhas e afecções de pele em geral; desintoxica o organismo; estimula a eliminação de líquidos pela urina, eliminando diversas bactérias e toxinas e reduzindo a incontinência urinária; reduz e até cura a diarreia, melhora gradativamente a circulação sanguínea; aumenta o apetite; é eficiente auxiliar no tratamento de gastrite; alivia azias e má digestão; promove a melhora de problemas anais, como hemorroidas e flatulências.

Contraindicações e efeitos colaterais
A planta mil folhas é fortemente contraindicada para gestantes e lactantes, pois suas fortes propriedades podem causar prejuízos ao feto ou recém-nascido. Recomenda-se que, em caso de aplicações da planta ou seu extrato na pele, o contato direto do local afetado com o sol seja evitado, para que não ocorram manchas, ardências e outras complicações.
Seu uso excessivo ou por um longo período pode provocar dermatites, alergias e dores de cabeça. Ainda, pode interferir no resultado de tratamentos e terapias hipertensivas, hipotensivas e anticoagulantes, além de provocar mal estar em geral. Caso sinta qualquer reação indesejada, interrompa o uso imediatamente e busque auxílio médico. Frisamos que qualquer tratamento medicamentoso, seja ele natural ou não, deve ser acompanhado de perto por um especialista de confiança.
Modo de consumo

Para consumir a planta mil folhas, o meio mais indicado é sua infusão. Para tanto, leve ao fogo 2g das folhas bem lavadas, secas e picadas, juntamente com 200ml de água. Deixe ferver por dez minutos, então abafe e aguarde amornar. Beba o chá de mil folhas duas vezes por dia.
FONTE:https://www.beneficiosdasplantas.com.br/mil-folhas/
Postar um comentário

Atalho do Facebook aki na roça